Menina da faixa etária de 5 a 11 anos sendo vacinada contra a Covid-19 na Espanha.| Foto: Ángel Medina G./EFE

O Ministério da Saúde afirmou nesta segunda-feira (27) que a vacinação contra a Covid-19 para crianças da faixa etária de 5 a 11 anos de idade deve começar em janeiro. A informação consta de nota divulgada pela pasta, na qual defende a inclusão deste público no calendário vacinal.

“A recomendação do Ministério da Saúde é pela inclusão das crianças de 5 a 11 anos na Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 (PNO), conforme posicionamento oficial da pasta declarado em consulta pública no dia 23 de dezembro e reforçado pelo ministro da Saúde em manifestações públicas”, diz o texto. Também de acordo com a nota, “no dia 5 de janeiro, após ouvir a sociedade, a pasta formalizará sua decisão e, mantida a recomendação, a imunização desta faixa etária deve iniciar ainda em janeiro”.

Em entrevista na noite desta segunda, o ministro Marcelo Queiroga insistiu que uma decisão final sairá apenas após a conclusão da consulta e de uma audiência pública sobre o tema.

Segundo nota técnica do próprio Ministério, a vacina infantil contra Covid-19 é segura e ferramenta de proteção importante inclusive para atenuar interrupções de aulas na pandemia. A aplicação da versão infantil da vacina da Pzifer (diferente da adulta) foi autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no dia 16 de dezembro, mas foi alvo de críticas por parte do próprio ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e do presidente Jair Bolsonaro, que defendeu cobrar exigências de autorização dos pais e receita médica.