Ucrânia diz que ataque russo em Donbass não está tendo sucesso; Pentágono vê ‘progresso lento’

O Comando Militar da Ucrânia afirmou neste sábado, 30, que as forças da Rússia não conseguiram tomar o controle de três áreas chave da região de Donbass, no leste ucraniano, onde Moscou disse que iria focar sua campanha há duas semanas. O Pentágono, centro da inteligência militar dos Estados Unidos, avaliou que os russos tiveram apenas um progresso lento em seus objetivos. Os russos tentam capturar as áreas de Liman em Donetsk e Sievierodonetsk e Popasna em Luhansk, disse o Estado-Maior das Forças Armadas da Ucrânia em uma atualização diária postada nas redes sociais. Em seu boletim deste sábado, as autoridades ucranianas disseram que os russos “não estão tendo sucesso” e que “os combates [na região] continuam”.

Um oficial do Pentágono confirmou as informações ucranianas. “Acreditamos que ficaram atrás do que esperavam conquistar no Donbass”, disse o alto funcionário do Departamento de Defesa dos Estados Unidos à imprensa, sob condição de anonimato. “Tinham ao menos vários dias de atraso. Estão longe de terem feito a conexão” entre as tropas que entraram pela região de Kharkiv (leste), ao norte dessa região, e as que vêm do sul do país, afirmou. Acredita-se que Moscou tenta lentamente atacar as forças ucranianas na linha de frente ao redor das áreas separatistas pró-russas de Donetsk e Luhansk. “Não estão se mobilizando muito rápido. Poucos quilômetros por dia é o máximo que podem fazer, porque são repelidos” pelo exército ucraniano. Contudo, o funcionário também citou que a Rússia continua criando condições para uma ofensiva sustentada e mais prolongada.

*Com informações da AFP


Fonte: Jovem Pan

Compartilhe