Tigre arranca mão de uma tratadora e ataca outros dois em safári no Japão

Um tigre macho de dez anos atacou uma tratadora, fazendo com que ela perdesse uma mão, e outros dois profissionais em um safári próximo a Tóquio, no Japão. O animal, que tem cerca de dois metros de comprimento e pesa 150 quilos, estava fora do seu cercado no Parque Safári de Nasu, na prefeitura de Tochigi, segundo a agência de notícias local Kyodo. O operador do parque disse que os tratadores o encontraram em um corredor que levava a uma área de exposição e tentaram. A profissional que perdeu a mão tem 20 anos e foi levada para o hospital de helicóptero; uma outra mulher levou várias mordidas e um homem ficou ferido na nuca – eles também foram levados para o pronto-socorro. O tigre não foi morto, apenas reconduzido ao local onde deveria ter ficado. O safári foi temporariamente fechado. “O tigre não é ruim, então eu gostaria de discutir o futuro método de exibição enquanto observo a condição do tigre”, afirmou um porta-voz do parque em entrevista coletiva.


Fonte: Jovem Pan