Sonda da NASA encontra cratera de gelo em Marte; veja imagem

A sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), da NASA, encontrou uma cratera de gelo em Marte. A imagem aprimorada pela agência espacial mostra uma camada de dióxido de carbono congelado na superfície ao sul do planeta vermelho, manifestada através de pontos brilhantes em azul na paisagem.

As ocorrências de gelo seco acontecem durante todo o inverno em Marte, que leva cerca de 4 meses. As temperaturas podem chegar a -125 graus Celsius nas regiões polares, com congelamento que pode se estender até as latitudes médias em períodos mais extremos.

A sonda Mars Reconnaissance Orbiter capturou uma cratera de gelo em MarteFonte:  Jet Propulsion Laboratory 

No entanto, algumas encostas mais próximas do equador possuem suas faces voltadas para os polos, tornando-as mais frias devido à menor incidência de luz solar. Logo, o dióxido de carbono permanece congelado por mais tempo ao redor das muitas ravinas, esculpidas por fluxos de detritos durante os meses mais quentes que causam a superfície irregular do planeta.

A sonda da NASA

A nave MRO foi lançada em 2005 com o objetivo de estudar a história da água em Marte. Seus instrumentos são capazes de fotografar a superfície marciana em detalhes, o que permite conduzir análises na Terra de minerais, água subterrânea e clima presentes no planeta.

Trabalhos mais recentes trazem mais informações sobre a formação e evolução do nosso vizinho no Sistema Solar. Dentre as descobertas estão os processos responsáveis pela rede de rios no passado e pela dominância de gelo que deram origem à erosão do solo, resultando em crateras.

Além disso, missões mais novas como a InSight e o rover Perseverance devem trazer mais detalhes sobre o interior de Marte.

Veja a postagem original em: TecMundo

Compartilhe