Segundo ex presidente do Google os “humanos terão uma cópia de si”

A tecnologia avançou e a inteligência artificial tomou conta dos meios de comunicação global. Com isso, o ex-presidente do Google, Eric Schmidt, informou durante a Collision Conference que, em cinco anos, as pessoas terão um “segundo eu”.

Para tanto, o líder da Schmidt Futures disse que existirá um sistema para ajudar as pessoas em algumas limitações. Além disso, o mecanismo dará conselhos pessoais e informações sobre as ações e pensamentos dos seres humanos. 

Confira: Primeiro avião hipersônico que será capaz de cruzar o planeta em uma hora, confira

Sendo assim, criamos este guia para explicar sobre o novo método eletrônico e como o sistema vai influenciar na vida das pessoas. Portanto, continue a leitura e descubra mais sobre essa experiência. 

O que é a inteligência artificial? 

A inteligência artificial é um método da tecnologia que usa robôs para executar algumas tarefas. Para tanto, é uma forma de desenvolver as ações realizadas pelas pessoas, porém, com mais autonomia.

Além disso, essa inteligência é composta por um conjunto de regras e dados para um objetivo. Por outro lado, a proposta desse novo pensamento é criar uma interação melhor em um ou mais ambientes.

Visto que, em outra definição, a inteligência artificial surgiu a partir de um dispositivo eletrônico e apresenta algumas categorias como:

Leia também: inovação em nova forma para despoluir os rios, confira como funciona

  • ações;
  • pensamentos;
  • raciocínio.

O que o ex presidente do Google declarou sobre o assunto?

Segundo as palavras do ex líder da gigante de buscas, a inteligência artificial é um sistema inovador, porém, não pode mudar a vida das pessoas. Com isso, o executivo explicou que as máquinas não podem definir as ações humanas.

Contudo, o Google utiliza o Modelo de Linguagem para Aplicações de Diálogo (LAMDA). Entretanto, Eric Schmidt afirmou que o mecanismo chega a assustar, mas, apesar da utilidade, não pensa como um ser humano. 

Além disso, a ferramenta causa uma impressão de que estamos falando com alguém que tem um raciocínio lógico, contudo, não demonstra uma maturidade para equilibrar as informações pessoais.

Confira: carro elétrico solar pode rodar por meses, confira como isso é possível

Veja a postagem de horigem em: Engenharia Hoje

Compartilhe