Deputado Arthur do Val pode ter o mandato cassado por causa de áudios em que ele dá declarações sexistas sobre refugiadas ucranianas.| Foto: Arquivo/Agência Alesp

O deputado estadual Delegado Olim (PP), relator do processo
contra o deputado Arthur do Val (União Brasil
) no Conselho de Ética da Assembleia
Legislativa de São Paulo, pediu a cassação do mandato do parlamentar. O parecer
favorável à punição foi apresentado aos demais membros do conselho nesta quinta-feira
(7) e agora será avaliado pelo colegiado.

Uma nova reunião deve acontecer na próxima terça-feira (12)
para as conclusões da análise do documento. Para Arthur do Val
perder o mandato é preciso que a maioria simples dos parlamentares do conselho
vote de forma favorável ao relator para que posteriormente o processo seja levado
para votação em plenário.

No dia 18 de março o Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) decidiu, por unanimidade, aceitar a admissibilidade das 20 representações que pedem a cassação do deputado estadual Arthur do Val, conhecido como Mamãe Falei, por causa de áudios que viralizaram nas redes sociais e em que ele dá declarações sexistas sobre refugiadas ucranianas.