Primeira morte causada por varíola de macacos no Brasil é confirmada

O Ministério da Saúde confirmou nesta sexta-feira (29) a primeira morte causada pela varíola de macacos (monkeypox) no Brasil. As informações são do portal G1.

Segundo a publicação, a morte de um homem com baixa imunidade que estava com a doença foi registrada em Uberlândia (MG).

Nesta sexta, o Ministério da Saúde confirmou em nota que já foram registrados 1.066 casos da doença no país. São Paulo (823), Rio de Janeiro (124) e Minas Gerais (44) são os estados com o maior número de infectados.

A varíola de macacos foi declarada recentemente como emergência de saúde pública de interesse internacional pela Organização Mundial da Saúde (OMS) no domingo (24).

Apesar do nome, a transmissão para o ser humano é realizada por animais roedores, principalmente. Entre pessoas, no atual surto, a principal via de transmissão tem sido por contato sexual, mostram estudos. A maior parte dos infectados são homens gays e bissexuais, mas especialistas em saúde alertam que qualquer pessoa fora do grupo de risco também pode ter a doença.

Além da via sexual, conta físico muito próximo e gotículas respiratórias podem transmitir a doença.

Veja a postagem original em: TecMundo

Compartilhe