Na mira do Corinthians, meio-campista chileno Erick Pulgar presta depoimento após denúncia de abuso sexual 

O Corinthians fechou a contratação de Yuri Alberto e está perto negociando com o meio-campista Erick Pulgar, que tem contrato com a Fiorentina (Itália) somente até a metade de 2023. A transferência, no entanto, pode não acontecer após uma denúncia vir à tona nesta quarta-feira, 29. De acordo com a imprensa chilena, uma jovem de 24 anos alega ter sido abusada sexualmente em uma festa promovida e realizada na casa do jogador, em Calera de Tango, bairro nobre de Santiago. Na versão dada para a polícia, a mulher diz que foi levada para a residência do volante após perder a consciência em um bar – no evento, ela menciona que havia outros atletas envolvidos, incluindo Erick Pulgar.

De acordo com informações do “El Deportivo”, o meio-campista, que coleciona passagens pela seleção chilena, já foi interrogado em sua casa por policiais e prestou depoimento. “A polícia de Vitacura recebeu uma denúncia de uma mulher que afirma ter sido vítima de agressão sexual neste fim de semana em uma casa localizada na zona sul da capital”, disse Marcelo Ruiz, chefe de polícia. “Pessoal especializado está realizando procedimentos para encontrar o paradeiro dele ou dos autores materiais deste fato e, assim, arquivar os antecedentes junto ao Ministério Público”, completou o responsável pelo caso, que ganhou ampla repercussão nas últimas horas.


Fonte: Jovem Pan

Compartilhe