Ministro da Defesa irá à Câmara para explicar compra de Viagra e próteses penianas pelas Forças Armadas

O ministro da Defesa, o general Paulo Sérgio Nogueira, irá à Câmara dos Deputados na próxima quarta, 8, para explicar a compra de 35.320 comprimidos de Viagra pelas Forças Armadas e outros temas. Nogueira terá que falar sobre a aquisição do medicamento, normalmente utilizado para disfunção erétil e, mais raramente, para o tratamento da hipertensão arterial pulmonar, doença rara que faz com que a pressão arterial nos pulmões seja mais alta e que é mais comum em mulheres. Em oito processos realizados de 2020 até o momento, foram adquiridos 28.320 comprimidos de Viagra (sob o nome do genérico Sildenafila) para a Marinha, 5.000 para o Exército e 2.000 para a Aeronáutica.

Outros dois temas serão tratados na audiência pública: a segurança do processo eleitoral brasileiro, após questionamentos enviados pelas Forças Armadas ao Tribunal Superior Eleitoral, e a compra de próteses penianas infláveis pelas Forças. Por isso, Nogueira será ouvido pelas comissões de Fiscalização Financeira e Controle; e de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados. Inicialmente, o requerimento do deputado Elias Vaz (PSB-GO) convocava o ministro, de forma que ele seria obrigado a comparecer; contudo, o texto aprovado nesta sexta, 3, prevê apenas que ele seja convidado.


Fonte: Jovem Pan

Compartilhe