Luis Suárez desiste de fechar com o River Plate após queda de time argentino na Libertadores

O atacante uruguaio Luis Suárez admitiu nesta quinta-feira, 7, que desistiu de acertar um contrato com o River Plate após o time ser eliminado nas oitavas de final da Copa Libertadores da América – a equipe treinada por Marcelo Gallardo caiu para o rival Vélez Sarsfield, na última quarta-feira, 6, em pleno Monumental de Núñez. “Estava muito animado com a possibilidade de ir para o River e brigar pela Copa Libertadores. Era um sonho que tenho ganhar uma copa na América do Sul. Como River ficou de fora, cai a possibilidade”, explicou o badalado centroavante, em entrevista ao jornal “Ovación”, do Uruguai.

Revelado pelo Nacional (Uruguai), Suárez tem uma linda trajetória na Europa, obtendo sucesso no Ajax (Holanda), Liverpool (Inglaterra) e Barcelona (Espanha). Nos últimos dois anos, o atacante defendeu as cores do Atlético de Madrid, onde ganhou um Espanhol marcando o gol do título. Sem clube desde o mês passado, quando não teve seu contrato renovado pelos “Colchoneros”, o centroavante de 35 anos admitiu que ficou incomodado com o fato de não ter sido procurado pelo clube que o formou e revelou que não descarta jogar na América do Sul.

“Há um mês e meio declarei que não ia sair da Europa, mas o River insistiu e insistiu tanto que cheguei a considerar e havia uma possibilidade. Por mais que se diga alguma coisa, quando chegar a hora, você vai considerar isso. Você está animado que eles te amam tanto. O jogador precisa de amor. O River estava me dando e o Nacional poderia ter tentado isso”, concluiu Suárez, o maior artilheiro da seleção uruguaia. A cerca de quatro meses para a Copa do Mundo de 2022, ele tenta encontrar um time que dispute campeonatos importantes para chegar preparado no Catar, em seu provável último Mundial pela “Celeste”.


Fonte: Jovem Pan

Compartilhe