Fifa anuncia permissão para 26 convocados e 15 jogadores no banco na Copa do Mundo

A Fifa emitiu um comunicado nesta quinta-feira, 23, oficializando que as seleções classificadas para a Copa do Mundo de 2022 poderão convocar 26 jogadores – anteriormente, apenas 23 atletas por país poderiam ser chamados para a principal competição do planeta. A entidade informou também que serão permitidos a presença de 15 substitutos no banco de reservas, além de mais 11 membros da comissão técnica. Além disso, o número máximo de futebolistas na “lista de suplentes” foi aumentado de 35 para 55. Os treinadores deverão divulgar seus convocados até 13 de novembro. Vale lembrar que o Mundial será disputado entre 21 de novembro e 18 de dezembro, no Catar.

De acordo com a Fifa, a comissão decidiu pelas mudanças por causa da “necessidade de manter flexibilidade” devido ao aumento no número de jogos no ano por causa da Copa do Mundo de 2022 no calendário global, “bem como ao contexto mais amplo dos efeitos perturbadores causados ​​pela pandemia de Covid-19 nos elencos antes e durante os torneios”. Além disso, o comunicado diz que irá realizar um congresso em Kigali, Ruanda, em 16 de março de 2023, para definir seu novo presidente – atualmente, o suíço Gianni Infantino comanda a entidade e já afirmou que tentará a reeleição.


Fonte: Jovem Pan

Compartilhe