Fernando Haddad chama Bolsonaro de ‘canalha’ em live da esquerda

O ex-prefeito e pré-candidato do governo de São Paulo, Fernando Haddad, não poupou críticas ao presidente Jair Bolsonaro. Ele afirmou que o mandatário se faz de vítima. “O Bolsonaro vive de assombração sendo a própria assombração. Esse governo é muito perigoso, esse cara é um canalha que está na presidência da República. É um mentiroso”, afirmou, em entrevista transmitida nas redes sociais. Afiado, o petista também falou sobre a terceira via. “Os meios de comunicação não se deram conta. Estou falando de concessionárias de serviço público, que não estão prestando o serviço que deveriam à favor de liberdade, democracia, decência, seriedade na política e ainda passam a imagem de que outra alternativa é possível para além da chapa Lula-Alckmin. Não há alternativa”, completou o ex-prefeito.

O Instituto Guimarães constatou que a imagem do ex-governador Geraldo Alckmin (PSB), vice na chapa de Lula, atrai mais votos a Fernando Haddad do que ao próprio Márcio França, também do PSB e que concorre ao governo paulistano com o petista. Enquanto isso, na base aliada do governo, a deputada estadual Janaína Paschoal e a deputada federal Carla Zambelli disputam a preferência do presidente Bolsonaro para vaga no Senado Federal. No entanto, o nome já estaria escolhido. Tarcísio Gomes de Freitas, pré-candidato ao governo de São Paulo, confirmou o nome de Datena para a Casa.

*Com informações do repórter Maicon Mendes


Fonte: Jovem Pan

Compartilhe