Empresa na Europa desenvolve tapete que funciona como base para carregar scooters elétricas sem fios

Uma empresa da Letônia, na Europa, chamada Meredot está desenvolvendo um tapete que funciona como base para carregar scooters elétricas, através de uma tecnologia sem fios.

A Meredot desenvolveu todo o sistema de carregamento em seis meses, desde que construiu o seu primeiro protótipo de laboratório.

Atualmente, o tapete já está pronto para compra, sendo necessário entrar em contato com a empresa europeia através de um formulário em seu site.

 

Tapete que funciona como base para carregar e-scooters deve solucionar problemas de troca de baterias

 

Ao funcionar como uma base de carregamento sem fio para baterias das scooters elétrica, um dos problemas comuns do transporte urbano, a troca de baterias, pode ser solucionado.

Para a tecnologia funcionar, existem 3 pontos básicos, sendo eles:

  • Parte de hardware (o próprio tapete);
  • Um “receptor” instalado na scooter no local pela Meredot;
  • O software.

O software permite ao operador ver diversos dados importantes, como quais e-scooters foram carregados, quando, quanto e entre outros dados.

A Meredot estima que em um futuro próximo, a plataforma possa ser utilizada para recarregar outros veículos e dispositivos elétricos, como cadeiras de rodas e bicicletas elétricas.

 

Benefícios da tecnologia

 

Para carregar a bateria da scooter, basta a posicionar em cima do tapete, em ângulos que vão de 10 a 15 cm com relação à posição da base.

Segundo a empresa, o tapete pode ser instalado em qualquer espaço público, diretamente na superfície ou até mesmo embaixo de um piso, funcionando sem ser afetada por:

Além de lidar com temperaturas entre -30° a 50° Celsius, a tecnologia que conta com o carregamento sem fio por contato, também permite o carregamento pelo ar.

A transferência de potência para a bateria pode ocorrer a mais de 15 cm de distância, com uma eficiência de mais de 93%, e o tapete é compatível com todas as e-scooters populares que existem.

Fonte: Olhar Digital

Imagem em destaque: Foto/Reprodução Meredot

Veja a postagem de horigem em: Engenharia Hoje