Construção civil impulsiona criação de emprego formal no Brasil

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do mês de maio apontam 35.445 novos postos de trabalho com carteira assinada em todo o Brasil e mostram boa parte desse número são de pessoas trabalhando na construção civil. Esse foi melhor desempenho registrado pelo mercado de trabalho formal do setor desde fevereiro de 2022. Quando os números criados foram de 39.200 novos empregos. Nos primeiros cinco meses do ano, o setor da construção já gerou 155.500 novos postos de trabalho. Somente em 2022, o número de trabalhadores no setor já registrou um aumento de 6,74%.

Bruno Cardoso começou a trabalhar em uma obra há três meses. Passou de estagiário, foi contratado e, agora, é assistente de engenharia, e já faz planos de novos projetos. “Essa retomada agora vai ser muito importante para todos nós. Muitas empresas estão crescendo hoje, através da pandemia, se reestabilizando novamente, e acredito que as vendas começem a startar novamente”, comenta. Cecília Cavazzani, CEO da construtora em que ele trabalha, sabe que o período não vinha sendo favorável por causa da pandemia da Covid-19. Mesmo assim, os empreiteiros, de um modo geral, já fazem um pensando no cenário negativo. “A gente vai ajustando o orçamento e refazendo esses cálculos mês a mês e já faz uma projeção um pouco pessimista do cenário para que, se a gente for surpreendido de uma forma boa, a gente possa continuar gerando emprego e lançando apartamentos”, explica.

A construtora responsável por uma obra em Guarulhos, na grande São Paulo, vai entregar até o final do ano 680 apartamentos de dois quartos, mas teve que abrir contratação de pessoas, 45 novos funcionários foram contratados de janeiro a junho deste ano, um crescimento de 18%. Segundo José Carlos Martins, presidente da Câmara Brasileira de Indústria da Construção, o saldo de novas vagas geradas na construção civil em maio foi maior desde fevereiro, mas a perdas foram sentidas em 2021. O segmento de obras de infraestrutura também registrou resultado positivo, mas em menor patamar, foram criadas 8.562 novas vagas de trabalho.

*Com informações do repórter Maicon Mendes


Fonte: Jovem Pan

Compartilhe