Como saber se o seu WhatsApp foi clonado

O WhatsApp é um dos aplicativos mensageiros mais populares do momento, sendo bastante utilizado por pessoas de diversas regiões do Brasil e do mundo. Seja para se comunicar com amigos e familiares, seja para concretizar vendas, o app tem um time de desenvolvedores dedicado ao aprimoramento e à melhoraria contínua do app.

Desde 2014, a plataforma pertence ao Facebook e, apesar de estar cercado de um sistema de segurança virtual intenso, infelizmente, ainda há espaço para eventuais falhas que possibilitam a ação de criminosos. Com isso, alguns hackers conseguem aplicar golpes em pessoas inocentes que não têm conhecimento aprofundado em tecnologia.

WhatsApp é um dos apps mensageiros mais utilizados no Brasil. (PX Here/Reprodução)Fonte:  PX Here 

Dessa forma, elaboramos este texto para alertar todos os leitores sobre uma prática bastante comum na atualidade: a clonagem do WhatsApp. Fique atento a todas as nossas dicas para se prevenir e não cair nesse tipo de golpe.

WhatsApp clonado: como saber se criminosos estão tentando se aproveitar da sua conta?

Efetivamente, não é possível clonar qualquer conta que seja no WhatsApp com todos os detalhes sendo preservados. Isso acontece porque o aplicativo não permite que dois perfis sejam criados com o mesmo número em dois aparelhos diferentes. A boa notícia é que, dessa maneira, você será alertado caso alguém tente usar o seu número para clonar seu WhatsApp. Portanto, se receber alguma mensagem de confirmação no app, faça a autenticação do seu aparelho no mesmo momento para neutralizar a ação criminosa.

No entanto, os criminosos já sabem disso e podem recorrer a outros meios para enganar seus conhecidos. Você provavelmente já deve ter visto algum golpe do tipo: algum dos seus contatos recebe uma mensagem de uma conta cujo número é desconhecido e utiliza a sua foto. O golpista avisa que você trocou de número e que, a partir daquele ponto, vai responder por ali. Não demora muito para que seja requisitada alguma quantia em dinheiro.

Fique sempre atento em tudo o que acontece no seu WhatsApp. (PX Here/Reprodução)Fique sempre atento a tudo o que acontece no seu WhatsApp. (PX Here/Reprodução)Fonte:  PX Here 

Embora pareça estranho, muitas vítimas acabam acreditando no golpista que está se passando por um conhecido justamente porque não verificam a autenticidade das informações e, inclusive, acabam fornecendo detalhes de sua relação com a pessoa em questão — o que torna tudo ainda mais perigoso.

Portanto, nesse caso, a dica é verificar todos os detalhes da nova conta informada por seu contato. Veja se o DDD corresponde ao do seu conhecido, verifique o status e envie uma mensagem ao número antigo para saber se a troca realmente foi efetuada. Desconfie sempre que alguém vier pedir dinheiro emprestado logo após trocar o número de celular, pois pode se tratar de um golpe.

Golpes no WhatsApp: verifique atividades estranhas em sua conta

Como é mais difícil para os golpistas utilizarem o mesmo número para clonar o WhatsApp alheio sem que ninguém perceba, é importante sempre ficar atento a atividades suspeitas em sua conta. Verifique frequentemente as últimas mensagens enviadas para saber se nenhuma delas foi enviada sem o seu consentimento, e se alguém estiver lendo suas mensagens de outro dispositivo, recomenda-se que o WhatsApp Web seja revisto, pois ele pode estar aberto em algum computador estranho.

Para desvincular sua conta mesmo sem ter acesso ao dispositivo, acesse as configurações do WhatsApp e em seguida toque em “Aparelhos Conectados”. Atualmente, como é possível manter o WhatsApp Web conectado em mais de um computador, uma lista das conexões surgirá à tela. Desconecte-se de todas elas, mesmo que reconheça alguma, pois sua conta pode correr riscos.

Observe ações incomuns na sua conta WhatsApp para se prevenir. (Unsplash/Reprodução)Observe ações incomuns na sua conta WhatsApp para se prevenir. (Unsplash/Reprodução)Fonte:  Unsplash 

Eventualmente, se precisar, faça a nova conexão do WhatsApp Web apenas em dispositivos conhecidos. Evite conectar-se ao WhatsApp em redes compartilhadas, como em computadores que não sejam de seu uso pessoal. Mesmo com todos os cuidados, o seu WhatsApp ainda pode ser clonado, mas algumas medidas podem ser tomadas para que o problema seja revertido.

O que fazer se o WhatsApp for clonado?

Se você suspeita que a sua conta no mensageiro foi clonada ou isso já foi efetivamente confirmado, a primeira atitude a ser feita é confirmar o perfil e autenticar seu aparelho, como já citamos. Para isso, desinstale o WhatsApp de seu celular e, logo em seguida, refaça a instalação. Informe seu número e coloque o código recebido por SMS. Com esse processo, o criminoso que tiver clonado seu WhatsApp já perderá o acesso à sua conta.

Não se esqueça de avisar familiares, amigos e conhecidos de que seu WhatsApp foi clonado para evitar que eles caiam em eventuais golpes. Com a possibilidade de fazer envios financeiros por meio do aplicativo, é preciso ficar sempre muito atento a boas práticas de cibersegurança para não correr riscos.

Utilize o WhatsApp tomando todos os cuidados possíveis.(Unsplash/Reprodução)Utilize o WhatsApp tomando todos os cuidados possíveis. (Unsplash/Reprodução)Fonte:  Unsplash 

Gostou da matéria? Não deixe de colocar em prática algumas de nossas dicas caso seja necessário!

Veja a postagem original em: TecMundo

Compartilhe