MP-BA fiscalizou postos de saúde e escolas em Santo Antônio de Jesus e Cruz das Almas

O Ministério Público Estadual da Bahia (MP-BA) fiscalizou 33 unidades de saúde e de ensino de oito municípios baianos n quinta-feira (6/12).

Durante a fiscalização do MP-BA, os promotores de Justiça encontraram irregularidades como ausência de equipes médicas, medicamentos e merendas vencidas, bem como estruturas mal-conservadas. Nas unidades de saúde dos municípios, faltavam remédios e profissionais.

Alusiva ao “Dia Internacional de Combate à Corrupção”, comemorado em 9 de dezembro, a fiscalização teve o objetivo de reunir informações que servirão de base para um acompanhamento mais rigoroso da aplicação de verbas públicas destinadas às áreas de saúde e educação destes municípios.

Caso mais grave foi em SAJ, diz MP

Algumas não tinham sequer farmácia segundo o Ministério Público. O caso mais “grave” foi registrado pela promotora de Justiça Aline Cotrim, em Santo Antônio de Jesus, onde uma unidade que está sendo reformada teve seus pacientes direcionados para uma igreja.

Nas escolas, foram constatados problemas de infraestrutura como forros derrubados pela chuva e até mesmo unidades fechadas. Em algumas, a situação melhorou depois de reformas.

As ações de fiscalização aconteceram em Salvador, Cruz das Almas, Jacobina, Santo Antônio de Jesus, Jequié e Madre de Deus. *Bahia Noticias

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *