Hospital de Itabuna em situação de emergência

Dívidas chega a R$ 32 milhões

Hospital de Base de Itabuna decretou situação de emergência na última segunda-feira (6) por conta de uma dívida de cerca de R$ 32 milhões. Para amenizar a situação, 200 funcionários foram demitidos em janeiro. Uma redução de 750 funcionários para 550. O presidente interino, José Orleans do Nascimento que assumiu o cargo há seis dias, afirmou ao G1 que os fornecedores estavam há mais de 90 dias sem receber pagamento. De acordo com ele, há nove anos as despesas são maiores do que a receita do hospital.

 

 

Leave a Reply