Dona de casa e dois bandidos mortos após confronto com a polícia em Cachoeira

Cristina Pita

Criminosos invadiram uma residência no centro histórico de Cachoeira (a 110 km de Salvador), na noite de ontem, quinta-feira (23). A dona da casa conhecia por Nani acabou levando quatro tiros de um dos bandidos e morreu na hora. Dois suspeitos também foram mortos durante o confronto com a polícia. A casa invadida fica proximo ao Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL), da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB).

No momento da invasão, estavam no imóvel a idosa e o filho dela, de prenome Marcos, que também foi feito de refém. Marcos conseguiu escapar da casa e acionou a polícia. Os policiais militares do Pelotão Tático Operacional (PETO) foram ao local e tentaram negociar com os bandidos a libertação da refém, mas sem sucesso. Na troca de tiros, dois criminosos morreram. Apenas um deles foi dentificado. Gleidson, o “Padeiro”, com diversas passagens pela polícia por porte ilegal de arma de fogo, assaltos e tráfico de drogas na região.

O tiroteio acabou assustando moradores e estudantes da UFRB, o que fez com que todos saíssem da instituição e moradores das casas, provocando correria e pânico nas ruas da cidade. O crime está sendo investigado pela Polícia Civil da cidade.

Fotos Reprodução/Forte no Recôncavo

Leave a Reply