BOA IDÉIA? Bolsonaro usará número de cachaça se concorrer pelo Patriota

Se vier a disputar a Presidência da República pelo Patriota, o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) vai concorrer com o número 51. Este é o número de registro do Partido Ecológico Nacional (PEN), que vai dar origem à nova legenda, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O 51 não foi escolhido de forma aleatória pelo presidente e até agora dono da legenda Adilson Barroso, quando a fundou em junho de 2012, segundo divulgou a Gazeta do Povo. A razão do 51 é mesmo a associação e “inspiração” na marca de uma famosa cachaça fabricada no país desde 1951, ano de fundação que a batizou.

Produzida no interior de São Paulo, em Pirassununga, a cachaça 51 ganhou fama também por seu slogan: “uma boa ideia”. Expressão que foi associada à marca, presente no seu rótulo e nas propagandas da aguardente. Adilson Barroso adotou o 51 por se tratar de um número conhecido dos brasileiros e ser cercado de um certo folclore.

“Escolhi mesmo o 51 por ser um número de fácil memória. Está em todas as prateleiras do Brasil. Não tem brasileiro que não conheça a cachaça. Não é uma associação proibida, tanto que não foi vetada pelo TSE”, disse Adilson Barroso. Mas a escolha teve, sim, resistências no tribunal.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *