BAIANA DE ACARAJÉ: Profissão é incluída na Classificação Brasileira de Ocupações

O termo de estudo técnico que viabilizará a inclusão será assinado nesta sexta-feira (16), na sede da Superintendência Regional do Trabalho do Estado da Bahia (SRTE).

O reconhecimento da profissão beneficia, somente em Salvador, cerca de 3.500 baianas, segundo estimativa da Associação das Baianas de Acarajé, Mingau e Receptivo da Bahia (Abam).

 

 

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *