Jornalistas acusam PM baiana de agressão

A Secretaria da Segurança Pública determinou a apuração rigorosa de uma situação envolvendo uma patrulha da Polícia Militar e dois jornalistas. O caso aconteceu no circuito Osmar (Centro), na noite de domingo (26).

Informações preliminares dão conta de que jornalistas e policiais se desentenderam. Testemunhas disseram que a confusão começou após um dos jornalistas ser agredido com um cacetete quando passava pela guarnição. O caso foi para a Central de Flagrantes do Passeio Público. Os policiais alegam desacato e, a dupla, truculência policial.

Um dos jornalistas, Bruno Aversa Della lata, teve um ferimento no supercílio e foi encaminhado ao posto médico para atendimento e, em seguida, para o Hospital Aliança, onde permanece em observação. O jornalista Felipe Tomaz Sant’ana foi ouvido na Central de Flagrantes.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *